sábado, 9 de maio de 2009

Flor sem tempo!1


Na mesma rua

Da mesma cor

Passava alegre

Sorria, amor.

Amor nos olhos

Cabelo ao vento

Gestos de prata

Da flor sem tempo

É dela o mundo

É certeza de viver.

Canta o sol

Que tens na alma

És a flor de ser feliz

Olha o mar na tarde calma

Ouve o que ele diz (2x)

Foi como o vento

Soprou num dia

Passava alegre

Alguém a via

É dela a vida

É certeza de viver

Canta o sol

Que tens na alma

És a flor de ser feliz

Olha o mar

Na tarde calma

Ouve o que ele diz (4x)

Intérprete: Paulo de Carvalho

Música: José Calvário

Letra: José A. Sottomayor

Sem comentários: