quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Transmontanices


"Um sonho em jeito de barco

Numa pedra em mim

E o silêncio interrompido de uma aurora

O cheiro a urze e a alecrim."

Sem comentários: